NOTÍCIAS

Voltar

11.09.2017 - Maior demanda eleva liquidez e impulsiona preços no BR

Após fortes desvalorizações em agosto, as cotações da soja em grão reagiram neste início de setembro, impulsionadas pelo aumento da liquidez no mercado doméstico e pela firme demanda externa. Com o objetivo de fazer caixa para pagamento das dívidas de custeio de milho segunda safra ou mesmo de insumos da safra de verão 2017/18, produtores estiveram mais dispostos a negociar nos últimos dias.

 

O Indicador da soja ESALQ/BM&FBovespa Paranaguá registrou alta de 1,25% entre 1 e 8 de setembro, para R$ 70,31/saca de 60 kg no dia 8. O Indicador CEPEA/ESALQ Paraná subiu 0,7% no mesmo comparativo, com média de R$ 64,76/sc na sexta-feira. 

 

Fonte: Agrolink

Créditos: SNA